Interessados devem comparecer ao PAT nesta quarta-feira (12/9) para retirar a carta de recomendação e participar da entrevista O PAT (Posto de Atendimento ao...

Interessados devem comparecer ao PAT nesta quarta-feira (12/9) para retirar a carta de recomendação e participar da entrevista

O PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador) de Hortolândia oferece 32 oportunidades de emprego para pessoa com deficiência (PCD) nas áreas de auxiliar de limpeza (20 vagas), garçom (1 vaga), estoquista (1 vaga), atendente de lanchonete (2 vagas) e copeiro (8 vagas). Os interessados devem comparecer à unidade nesta quarta-feira (12/9) com carteira de trabalho, RG, CPF e cartão do PIS para retirar a carta de recomendação e participar da entrevista. O PAT fica na rua Argolino de Moraes, 405, no prédio do HORTOFÁCIL, Vila São Francisco, Centro.

O candidato à vaga de auxiliar de limpeza deverá ter concluído o Ensino Fundamental. O funcionário executará serviços de limpeza e auxílio na distribuição e reposição de alimentos. O salário é R$1.213,00.

O contratado para a vaga de garçom deverá ter concluído o Ensino Fundamental e ter experiência na área. O candidato desempenhará tarefas relacionadas a organização, preparo, apresentação e atendimento ao cliente. O salário é R$ 1.315,00.

Para a vaga de estoquista, o candidato deverá ter concluído o Ensino Fundamental e ter experiência em pacote office. O salário é R$ 1.213,00

O atendente de lanchonete deverá ter concluído o Ensino Fundamental e ter experiência na área. O funcionário vai atender e preparar produtos comercializados na lanchonete. Também deverá manter a limpeza do local de trabalho. O salário é R$ 1.213,00.

Para a função de copeiro, o trabalhador deverá ter concluído o Ensino Fundamental e ter experiência em copa de empresa. Sua função será auxiliar nos serviços de limpeza, no pré-preparo e preparo de alimentos. O salário é R$ 1.271,78.

PAT cadastra PCDs

De acordo com a Secretaria de Desenvolvimento Econômico e Turismo, a oferta de vagas exclusivas para pessoas com deficiência (PCD) está cada vez maior e mais frequente nas empresas de Hortolândia e região. Por isso, o PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador) de Hortolândia cadastra, permanentemente, trabalhadores que possuem algum tipo de deficiência.

Para se cadastrar, a pessoa com deficiência deve comparecer ao posto de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, com CPF, RG, comprovante de endereço e carteira de trabalho.

“O PAT enfrenta dificuldade para atender as demandas de empresas para a contratação de PCDs. Então, é importante que essas pessoas cadastrem seus currículos para que possam aproveitar as oportunidades de trabalho que surgem. As informações de contato e histórico profissional do trabalhador devem estar sempre atualizados para que possamos agilizar a contratação”, explica a secretária de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Monique Freschet.

LEI

A “Lei de Cotas”, n° 8.213/91, é uma Lei Federal, criada para garantir as pessoas portadoras de necessidades especiais ou que sejam beneficiárias do programa de Reabilitação Profissional pelo INSS (Instituto Nacional de Seguro Social) o direito e a possibilidade de exercer atividade laboral.

Também está previsto na lei, a obrigatoriedade das empresas que possuem mais de 100 funcionários a reservarem de 2% a 5% das vagas do seu quadro efetivo para PCD (Pessoa com Deficiência).

 

PARCERIA

O PAT (Posto de Atendimento ao Trabalhador) é fruto de uma parceria da Prefeitura com a SERT (Secretaria Estadual do Emprego e Relações de Trabalho). O órgão cadastra desempregados, faz captação de vagas junto a empresas, encaminha candidatos para o processo de seleção, realiza emissão de carteira de trabalho e requerimento de seguro-desemprego.

 

 

Nenhum comentário até o momento.

Seja o primeiro a deixar comentários abaixo.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *