Maior evento anual de Limeira recebe visitantes de todo o Brasil.  A nona edição da Limeira Patchwork foi aberta nesta quinta-feira, 13 de setembro,...

Maior evento anual de Limeira recebe visitantes de todo o Brasil. 

A nona edição da Limeira Patchwork foi aberta nesta quinta-feira, 13 de setembro, no Shopping Nações, e se consagra como um dos maiores eventos do setor no Brasil. A feira já batia recordes antes mesmo de começar devido aos 172 estandes vendidos, número superior ao do ano passado. E, logo no primeiro dia, quebrou novo recorde. Maior número de visitantes em dia abertura já registrado pela organização.

A cerimônia de abertura se deu com o descerramento da tradicional fita, feita de patchwork, na porta principal da área de eventos do Nações. Mas, antes mesmo da abertura oficial, dezenas de ônibus de caravanas já estavam no Shopping e as artesãs se divertiam na fila antes de os portões serem abertos. “Hoje é meu aniversário e vim comemorar no paraíso. Eu amo fazer patchwork e essa feira é especial pela variedade de produtos que oferece”, disse Heliana Cutait, artesã da cidade de Itu.

Até sábado, 15 de setembro, a Limeira Patchwork receberá milhares de visitantes. Estão confirmadas as vindas de mais de 120 caravanas de São Paulo, Rio de Janeiro, Minas Gerais, Paraná e Distrito Federal. Uma das primeiras a chegar foi a de Jundiaí. Eliana Morandini desembarcou animada do ônibus. “Faço patchwork desde criança. Sou apaixonada por artes confeccionadas com retalhos, mas nunca tinha vindo a essa feira. Estou apaixonada”, contou a artesã.

Neste ano, a Limeira Patchwork tem 154 expositores. Há 11 estandes de Limeira, além de outros profissionais vindos de sete estados do Brasil que, juntos, equivalem a 59 cidades representadas. “Sediar o maior evento de Limeira é uma honra. E ver tanta gente talentosa reunida é inspirador. Cria-se um clima tão positivo que todos deveriam experimentar, mesmo os que não praticam patchwork”, destacou Luciana Bragante Nasr, administradora do Shopping Nações.

A Limeira Patchwork aquece vários setores da economia durante os três dias em que ocorre. A lotação dos hotéis da cidade é de quase 100%, motoristas de táxi e uber registram aumento de viagens e o setor de joias folheadas atrai consumidoras sedentas por novidades. Noeli Cali, de São José dos Campos, é uma delas. A comerciante veio a Limeira para a feira de patchwork e vai aproveitar para conhecer as lojas de joias. “Como uma boa libanesa, amo joias e vou visitar as lojas da cidade”, afirmou ao sair da feira e entrar em um uber com destino à avenida Costa e Silva, local com grande concentração de lojas do setor. 

Edição 2018

A principal novidade deste ano da Limeira Patchwork é o Espaço do Artesão, local com nove expositores que oferecem itens variados como joias artesanais, brincos, anéis, crochê, bordados, biscuit, vagonite, mantas, aromatizadores de ambientes, cosméticos artesanais, madeira, doces artesanais, cachaça artesanal, temperos e pimentas.

A Limeira Patchwork também oferece cursos e oficinas com uma hora de duração. São aulas de costura criativa para fazer bolsas, nécessaires, bichinhos em feltro e tudo utilizando costura manual e técnica de estruturação de acessórios. Os materiais e os kits são fornecidos e o aluno saem do curso com o produto pronto em mãos.

A feira tem ainda um espaço destinado para o Concurso Limeira em Patchwork 2018. Estão expostas as 27 obras participantes, recorde absoluto diante das edições passadas. A temática “Poesia e Patchwork” propôs aos artistas a produção de arte-têxtil que homenageasse a poesia de algum autor brasileiro.

A feira estará aberta ao público até sábado, dia 15, das 12h às 19h. O Shopping Nações Limeira fica na Rodovia Deputado Laércio Corte (Limeira – Piracicaba), 4500. O estacionamento é gratuito, independentemente do tempo em que o veículo permanecer no local.

 

 

Nenhum comentário até o momento.

Seja o primeiro a deixar comentários abaixo.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *